domingo, 5 de agosto de 2012

QUEM PODE SER BATIZADO


Os “batistas” somos chamados assim em parte pela fidelidade ao ensino Bíblico acerca do batismo. Compreendemos o batismo bíblico como ordenança constitutiva da igreja, de natureza simbólica, reservado a pessoas adultas que confessam Jesus Cristo como Senhor e Salvador pessoal e demonstram testemunho de conversão. É um ritual visível e representativo da experiência interior de salvação espiritual. 
Esta doutrina nos acompanha historicamente. Contudo, apesar desta tradição ainda é possível encontrar no seio de igrejas batistas pessoas confusas sobre quem pode ser batizado. Sobre isso apresentamos algumas considerações no intuito de orientar e fortalecer a igreja: 

1 – DEVE SER BATIZADO quem evidencia consciência plena do seu pecado. O apóstolo Paulo considerava-se o principal dos pecadores (1 TIMÓTEO 1,15); 

2 – DEVE SER BATIZADO quem reconhece pela fé Jesus Cristo com único capaz de salvar os pecadores. Paulo ensinou aos crentes romanos que o Evangelho é poder transformador (ROMANOS 1,16); 

3 – DEVE SER BATIZADO quem apresenta testemunho de conversão pessoal diante da igreja e do mundo. Preparando o caminho de Jesus, João, o Batista, conclamava o povo a produzir “frutos digno de arrependimento” (MATEUS 3,8); 

4 – DEVE SER BATIZADO que demonstra desejo sincero de integrar-se à igreja local para servir a Deus fervorosamente. O Apóstolo dos Gentios esperava dos cristãos de Corinto fossem sempre “abundantes na obra do Senhor” (1 CORINTIOS 15,58). 

Quando o diácono Filipe foi interrogado pelo Eunuco sobre possíveis impedimentos ao seu batismo: “E disse Felipe: é lícito, se crês de todo o coração. E, respondendo ele, disse: Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus” (ATOS 8,37). Devemos envidar todos os esforços para impedir a institucionalização da igreja local de criar empecilhos para que crentes sinceros sejam integrados em nossa comunhão pelo batismo. 
Exigências extra-bíblicas impostas a candidatos ao batismo pode levar uma igreja que busca ser bíblica para distante da simplicidade das igrejas neotestamentárias. Longe de nós esteja, por outro lado, o abandono de ideais como o casamento ou ensino da sã doutrina. Mas o fato é que impor tais requisitos tem deixado de reconhecer a incondicionalidade da fé diante de contingências tais como o estado civil. 
QUEM PODE SER BATIZADO? Devem ser batizadas todas as pessoas que evidenciam consciência do seu pecado, reconhecem, pela fé, Jesus Cristo como único capaz de salvar pecadores, apresentam testemunho pessoal de conversão e desejo de integrar-se à igreja local com servo do Deus vivo.